logo_express.jpg

Edição 102 – 03 de maio de 2018_

IPEF assina carta de intenções para
implantação de Laboratório Internacional

Foi assinada na tarde de ontem (02 de maio), na Agência USP de Cooperação Acadêmica Nacional e Internacional, em São Paulo (SP), uma carta de intenções entre o Instituto de Pesquisas e Estudos Florestais (IPEF), a Universidade de São Paulo (USP), a Universidade Estadual Paulista “Julio Mesquita Filho” (UNESP), o Centre de Coopération Internationale en Recherche Agronomique pour le Développement (CIRAD) e o Institut National de la Recherche Agronomique (INRA), estes dois últimos da França.

Segundo esta carta de intenções, as cinco instituições se comprometem no propósito de unir esforços para a criação de um Laboratório Internacional, que irá apoiar o aumento da produtividade das florestas plantadas e dos serviços ecossistêmicos dos plantios florestais tropicais. Este laboratório irá trabalhar com espécies florestais nativas, assim como com exóticas, como eucalipto, pinus, teca, entre outros.


Assinatura da carta de intenções

Segundo o prof. José Otávio Brito, diretor executivo do IPEF, que participou da solenidade de assinatura “o convite oferecido ao IPEF para integrar esta iniciativa é mais um reforço no reconhecimento internacional do nosso Instituto, em relação a sua importância no cenário científico e tecnológico de florestas plantadas. Uma marca significativa, particularmente, no ano em que o IPEF comemora seu Jubileu de Ouro”.

O próximo passo para implantação do Laboratório Internacional é o estabelecimento de acordos de colaboração multilaterais, que já estão em estudo, e serão oficializados durante os próximos meses.

Publicado exclusivamente via eletrônica, o IPEF Express não possui periodicidade definida e visa agilizar a divulgação de notas e informações da Diretoria, Coordenadorias do IPEF, seus Programas Cooperativos e atividades correlatas.

Instituto de Pesquisas e Estudos Florestais
http://www.ipef.br
Copyright 2009 IPEF. Reprodução permitida desde que citada a fonte.