Peletização de Sementes

IPEF Notícias - Edição 165 - Julho/Agosto/Setembro de 2003

A peletização é um processo de recobrimento de sementes, utilizando material inerte com o objetivo de facili tar a manipulação, através da homogeneização de tamanho e forma e/ ou tratamento. Geralmente é usado em sementes pequenas ou com forma que dificulta o plantio.

As sementes peletizadas oferecem uma série de facilidades, com uma redução de custo expressiva na produção de mudas. A semeadura e a classificação das mudas por porte são exemplos de operações facilitadas. Outro fator importante é a não necessidade de desbastes das plântulas, já que são semeadas apenas uma semente por tubete ou saco plástico.

Os eucaliptos possuem sementes pequenas, em média 0,5 mm, o que dificulta o plantio e a manipulação. Comercialmente são semeadas, geralmente, cinco sementes por recipiente, sendo necessário o raleio após a germinação. No caso das peletizadas, pode-se chegar a semear uma semente por recipiente.




Instituto de Pesquisas e Estudos Florestais
Via Comendador Pedro Morganti, 3500 - Bairro Monte Alegre
CEP: 13415-000 - Piracicaba, SP - Brasil
Reprodução permitida desde que citada a fonte.